Comunicação

11/09/2018

Colóquio 2018: Sustentabilidade e desempenho dos ambientes construídos na prática

Quatro especialistas vão apresentar soluções construtivas e materiais adotados em edificações novas

As edificações sustentáveis são cada vez mais valorizadas, considerando o desempenho ao longo de sua ocupação, o que permite tanto o conforto dos moradores e usuários dos imóveis, como uma taxa de condomínio de menor valor, além de uma manutenção predial mais fácil. Com esse enfoque, o Colóquio 2018 tem como tema central “Sustentabilidade e desempenho dos ambientes construídos”, no evento que ocorrerá no dia 27 deste mês, no auditório do Sindicato da Indústria da Construção Civil de João Pessoa (Sinduscon-JP).

O primeiro palestrante será o engenheiro civil Ângelo Just, diretor técnico da Tecomat, que abordará o Desempenho e duas implicações no revestimento em fachadas e, depois dele, Antônio Neire, sócio diretor da Rebotec falará sobre Tecnologia, produtividade e segurança com argamassas especiais, em parceria com Lucas Montenegro, consultor em vendas técnicas da Polimassa.

Conforto térmico será destaque com a palestra “Eficiência energética e vidros de controle solar”, de Ricardo Marques, da empresa Guardian. Em seguida ocorrerá a palestra sobre “Tecnologia e certificações obrigatórias para esquadrias de alumínio”, a ser feita por Ronaldo Castro, gerente da Perfil Alumínio juntamente com o consultor Eduardo Clemente.

Voltado para os engenheiros, arquitetos e tecnólogos, o evento técnico é uma oportunidade de troca de conhecimentos entre especialistas e profissionais que atuam no mercado da construção civil. São apresentadas soluções construtivas, características de materiais e os seus usos mais adequados, de modo que o ambiente construtivo seja seguro, confortável e durador, beneficiando os seus usuários.

Tecnologia, produtividade e segurança com argamassas especiais

Lucas Montenegro, consultor da Polimassa e Antônio Neire, sócio diretor da Rebotec, vão expor os resultados da argamassa projetada, obtidos em construtoras de João Pessoa, Recife e Fortaleza com o reboco projetado realizado com mão de obra especializada. Eles apresentarão estimativas do volume de material consumido, os custos envolvendo tanto a argamassa como o uso da mão de obra qualificada, os resultados de aderência do revestimento, o atendimento à Norma de Desempenho no que se refere à acústica, e estudos comparativos com sistemas tradicionais, como a produtividade homem/dia.

Segundo Lucas Montenegro serão demonstrados a redução de desperdício, a forma de aplicação em áreas externas (fachadas), os ganhos diretos e indiretos em obras verticais e horizontais de médio e grande porte. “Os resultados de aderência de reboco projetado em uma fachada, por exemplo, atende, com folga, todos os pré-requisitos da atualização da NBR 13.755”, disse o consultor, que executou 200 mil m² de reboco projetado.

                Realizado pela Supermídia Comunicação, o Colóquio 2018 tem o patrocínio da Perfil Alumínio do Brasil, Polimassa Argamassas, Guardian, com o apoio LomiGlass e Aluminius Esquadrias e Fachadas.

                Serviço: Colóquio 2018

                Local: Auditório do Sinduscon/JP             Horário: das 15h às 19h

                Inscrição: supermidia@supermidia.net.br

©2013. Todos os Direitos Reservados - v1.1.73